Ambiente, história, património, opinião, contos, pesca e humor

10
Set 09

Durante muitos anos montou-se um passadiço em madeira sobre o leito do Rio Âncora na época estival, para usufruto dos banhistas que frequentavam a Praia de Âncora.

 

 Passadiço estival em madeira - 1953

Por pressão da Junta de Turismo local, após diversos avanços e recuos, foi construída uma ponte com pilares em cantaria e tabuleiro pré-esforçado de betão.

Nesta construção não foi tido em conta a proximidade do mar e a resistência dos materiais utilizados, levando ao colapso desta ponte poucos anos depois, durante um temporal.

 

 Ponte em betão - 1958

Uma noite, o mar galgou o tabuleiro arrastando-o à sua frente, deixando para trás os pilares quebrados, que foram aproveitados para assentamento de mais um tabuleiro provisório em madeira.

 

O lance em betão complementado por um lance tosco em madeira - 1968

Este passadiço misto, metade betão, metade madeira, funcionou durante alguns anos até à construção do passadiço que ainda hoje existe e que foi requalificado pelo Ministério do Ambiente há quatro ou cinco anos.

publicado por Brito Ribeiro às 22:04

Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

14
15
16
17
19

20
21
22
23
25
26

27
28
29
30


Relógio
Visitantes
contador de visitas gratis
Hospedagem de Sites
O Tempo
miarroba.com
Buffering...
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO