Ambiente, história, património, opinião, contos, pesca e humor

26
Jun 08

Muitos pescadores ancorenses "andaram" ao bacalhau nos mares do Norte. Até ao final da década de cinquenta do século passado, os lugres à vela partiam na primavera dos portos de Viana e de Aveiro, regressando carregados nos finais de Setembro.

São dessa época as fotos que se seguem e que retratam alguns episódios do dia a dia no mar.

Na Gronelandia ou nas costas do Canadá, os nossos pescadores sofreram as agruras do frio, o rigor da disciplina, as inclemencias das longas viagens e os perigos de pescar à linha nos frageis "doris".

Um lugre de quatro mastros da classe do Argus ou do Creoula

 

O pescador no seu doris, com o navio ao longe

 

O bacalhau pescado com anzól

 

Um lugre navegando à vela

 

 

 

Serviço de escala onde os peixes eram preparados para a salga

 

Uma frugal refeição de pão e "chora". Por trás, os beliches onde dormiam.

 

publicado por Brito Ribeiro às 21:37
tags:

Junho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13

15
16
18
20
21

22
27
28

29
30


Relógio
Visitantes
contador de visitas gratis
Hospedagem de Sites
O Tempo
miarroba.com
Buffering...
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO